02/01/2017

16 coisas que aprendi em 2016

Imagem de 2017, new year, and gold
Fonte: We Heart It
Finalmente nós podemos dizer: 2017 chegou! Pois é, acredito que a maioria deve concordar quando digo que 2016 foi um ano pesado. Muita coisa ruim aconteceu, muitas pessoas incríveis nos deixaram, mas também posso dizer que, pessoalmente, tive pontos ótimos nesse ano que se encerrou: eu consegui um estágio incrível, mantive minhas notas em uma média muito boa e conheci pessoas maravilhosas no meu colégio. E acima de tudo, em todo esse processo de retrospectiva e reflexão, percebi que o ano de 2016 me trouxe muito aprendizado. Para não deixá-los passarem batido aqui no blog, e como uma forma de incentivo pra esse novo ano que acabou de chegar, resolvi listar algumas das maiores coisas que aprendi durante 2016. Espero que gostem :)

1. Amizades verdadeiras sobrevivem a qualquer coisa. Inclusive à distância. Quem quer se falar, quer se encontrar, sempre arranja um jeito.

2. Chorar e sentir-se impotente não é sinônimo de fraqueza. Ninguém é obrigado a (e acho que ninguém consegue) ser forte o tempo todo. O importante é nunca desistir.

3. Nenhum sonho é menor que o outro. E está tudo bem se alguns sonhos não se concretizam ou não parecem tão incríveis depois de um tempo, e acabam surgindo outros. Ninguém mantém os mesmíssimos planos por toda a vida.

4. Ser fiel a você mesma é a melhor coisa que você pode fazer quando tudo está meio bagunçado.

5. Nada de tão importante acontece na vida das pessoas que seja necessário ficar com o celular na mão e com todas as redes sociais abertas o dia inteiro. Sério.

6. Aliás, as redes sociais dizem pouquíssimo da realidade dos outros. Isso quer dizer que as pessoas só postam aquilo que querem que os outros saibam, e que a realidade dos outros é bem diferente da minha. Então nada de ficar se comparando. A minha (e a sua) vida é muito boa pra ficar sendo espelhada com quem quer que esteja postando uma foto bonita no Instagram.

7. A única coisa que não podem tirar de mim é o meu aprendizado. Então não tem problema nenhum priorizar os estudos. Ou pesquisar faculdades. Ou se envolver demais com o curso técnico (tudo isso, claro, preservando minha saúde física e mental).

8. Eu sou muito privilegiada por ter as coisas que tenho, estudar onde estudo, aprender o que aprendo. Mas isso não significa esperar que as coisas caiam do céu. Se eu ainda quero conquistar muita coisa que parece fora do meu alcance, eu preciso correr atrás disso.

9. Não custa nada ser gentil e educado com os outros.

10. Esse item pode soar bem ~good vibes~, mas é a mais pura verdade: negatividade é sim contagiosa, e não tá com nada. Olhar as situações com um ponto de vista mais positivo, sempre buscando absorver algo de bom dela é muito melhor. Pra você e pros outros.

Imagem de girl, hair, and beauty

11. Ter-se como prioridade não é egoísmo. É um ato de amor-próprio.

12. Muitas coisas que acontecem na vida não são justas. Mas cabe a nós trabalhar ao máximo com o que nos foi dado.

13. Se aproximar de alguém que está longe é muito mais fácil do que se imagina. E isso começa largando o orgulho e mandando um "oi" pelo whatsapp. Sempre funciona.

14. Não existe arrependimento ou decepção em ser quem você é. E quem quer que te fale o contrário, está errado.

15. A existência da beleza ou talento de alguém não significa a ausência da sua/seu.

16. As coisas sempre acabam bem. Se não está tudo certo, é porque não é o fim.     
Espero que o 2017 de vocês seja incrível, e que ele traga a todos nós muito amor, paz, união, e força para corrermos atrás dos nossos sonhos. Feliz Ano-Novo! <3

Um comentário:

  1. Oi, Malu =)
    Gostei muito do seu post! Adorei o item 7 e o 11, esse a gente vai aprendendo com o tempo, né?
    E sobre o item 15: pura verdade. Tem uma frase que já diz tudo: "Admire a beleza do outro sem questionar a sua."

    Beijos, quebrarosilencio.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir