11/01/2016

Trilha sonora de 2015

Imagem de music, records, and vintage

Acho que a música é uma paixão universal. Gosto de pensar que minha vida é um filme, e carrega uma trilha sonora que ilumina as partes mais mágicas dela. O ano de 2015, mesmo trazendo altos perrengues pra mim, me deu a oportunidade de viver momentos muito especiais, ao lado de gente que eu amo, e isso é uma das coisas pelas quais eu mais agradeci nessa virada de ano. Pensando nisso, eu resolvi reunir algumas músicas que marcaram momentos desses 365 dias, e contar um pouquinho sobre cada uma delas pra vocês. Espero que gostem!

1. When You Were Young - The Killers


Essa música me lembra uma tarde maravilhosa no karaokê, um crush que eu tive, e algumas das amigas maravilhosas que eu tive o prazer e a honra de conhecer nesse ano, Tem como ser mais marcante?

2. Psycho - Muse


Eu mantive uma certa dívida com o Muse desde o Lolla de 2014: não pude ficar até o fim do show deles. Prometi que iria ao próximo show que eles fariam em São Paulo e curtiria o máximo possível, e cumpri meu combinado. Além do mais, fui ao show ao lado de uma grande amiga minha, e tenho uma lembrança muito boa desse dia.

3. Black - Pearl Jam


Em 2015, fui ao melhor show da minha vida. O Pearl Jam era uma banda que eu já curtia pra caramba, mas depois do dia 14 de novembro, passei a ser completamente apaixonada por eles. Imagina um show que teve chuva e parada técnica, mas com 3h10 de duração, 33 músicas tocadas, e uma sensação de completude que não cabia em mim? Pra mim, ouvir Black ao vivo foi um dos pontos mais altos da vida.

4. Blank Space - Taylor Swift


Não sou fã da Taylor, mas tenho que admitir que o último álbum dela tem muitas músicas boas. Essa, em específico, meio que resume as minhas amizades desse último ano e todos os momentos bons que passei com elas.

5. Whoever She Is - The Maine


Ah, The Maine! Essa banda foi com certeza umas das minhas paixões de 2015. Eu ligo essa música a diversas coisas: às minhas amigas, a um trabalho do colégio, e até com o quanto eu mudei nesse último ano. É muita coisa pra uma música só!

6. Roar - Katy Perry


Fui ao show da Katy de surpresa: minha prima disse que tinha ingressos sobrando e eu resolvi ir. A ida foi conturbada, achar o lugar do ingresso foi confuso, o show atrasou um pouco, mas assim que começou a tocar Roar, eu juro que não consegui parar de chorar. Foi como se todas as coisas ruins que eu tinha passado nos últimos tempos e estava evitando pensar simplesmente desaparecessem. Foi um momento muito especial pra mim.

7. Blame On The Night - Calvin Harris feat. John Newman


Ah, essa música é tão boa! Ela tocou nas festas que eu fui nesse ano, e automaticamente me faz lembrar da sorte que eu tenho em poder ter tantas lembranças boas ao lado dos meus amigos.

8. Luz dos Olhos - Nando Reis


Eu tive a oportunidade de ouvir essa música ao vivo, ao lado da minha mãe, meus irmãos, meus tios e meu primo. O Nando é um artista que eu cresci ouvindo, e poder cantar a música junto com ele foi uma sensação indescritível.

9. Amianto - Supercombo


Essa música meio que reúne todas as descobertas musicais nacionais que eu fiz nesse ano que passou. Gosto muito dessa música porque foi indicação de uma amiga minha e só depois de muito tempo, eu parei pra conhecer a banda. Não me arrependo!
O post ficou longo, mas consegui registrar tudo o que eu queria! Espero que tenham gostado! E aí: quais músicas marcaram o 2015 de vocês? Deixem aí nos comentários!

6 comentários:

  1. Algumas dessas eu ouvi bastante haah

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Maluzinha! Como estou feliz de visitar seu blog e te ver por aqui, estou com saudades. Vou começar o comentário perguntando se você tem whatsapp, para que a gente possa se falar, porque estou sem facebook. Agora sobre o post, eu gostei muito da sua trilha sonora, também penso na minha vida como um filme, mas um filme quase sem músicas hahaha conheço poucas das que você citou e meu computador está sem som, MAS, dentre as suas escolhas, Blank Space e Luz dos Olhos são as minhas preferidas e ouvi muito em 2015, além de outras como Prefácio do João Carreiro e Capataz, Home da Gabrielle Aplin, muitas do Ed Sheeran e outras incríveis, tenho um gosto meio eclétivo, até "Aquele 1%" entra na minha trilha hahaha Malu, estou esperando sua resposta. Sucesso pra você!

    Beijos!
    www.meianoiteequinze.com.br
    www.youtube.com/ferzucolotto

    ResponderExcluir
  3. “So I sat quietly, agreed politely // I guess that I forgot I had a choice // I let you push me past the breaking point” Roar é inspirador, né? Tirei 4m do meu dia para ouvi-la novamente, por mais que eu já saiba de cor o refrão! Eu adoro essa música e a mensagem que ela passa. É pra lá de especial quando você se vê dentro dela.
    Eu gosto de Blank Space, lembra-me muito 2014 e é um clipe cujo os olhos adoram ver. A letra também foi chiclete e uma jogada e tanto da Taylor.
    Ahhh, Blame. Música pela qual o coração ainda bate forte. Me lembra cenas e paixões totalmente malucas e engraçadas também no finalzinho de 2014, além de alguém especial. Ouso dizer que é a minha música favorita. Ao menos, foi. E por um longo período de tempo.
    Quanto a The Killers, Muse e todos os outros vídeos citados, não conheço. Mas estou curiosa para Pearl Jam, você não é a única que já vi recomendando por aí. Prometo ouvi-la!

    Estou amando suas postagens, Malu. Quem sabe eu não volte um dia desses? A vida e eu somos tão inesperadas que eu não ousaria temer.

    Um beijo, Anna.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ouve sim! Pearl Jam tem sua pegada grunge bem característica, mas as músicas mais calmas são uma delícia de ouvir!
      E volta sim pro seu blog! Amava tanto o seu espacinho aqui na blogsfera, não perdia um post!

      Excluir
  4. Bem legal a playlist. A minha favorita é a da Katy Perry. Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  5. Só musica boa ♥ amei as escolhas

    http://gotasdecaffe.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir